Alta gastronomia da chef Bel Coelho


Delícias com alimentos do bioma brasileiro Hoje a experiência foi no Clandestino, restaurante itinerante de Bel Coelho no Beco do Batman, na Vila Madalena, em São Paulo.A chef de cozinha, apresentadora e pesquisadora de produtos genuinamente brasileiros enriquece e reinventa aquilo que para muitos não passa da comida de minha casa, comida do sertão e comida da caatinga. Ela traz as refeições de forma bem apresentada e harmoniosa, além de reviver com requinte da alta gastronomia, os produtos que já estavam desvalorizados.As bebidas como cervejas e os vinhos nos surpreendem com qualidade inesperada, todos brasileiros, vindos de São Roque e Santa Catarina. Surpreendente! O café também, que nos remete as manhãs de uma fazenda, um sabor tão nobre que dispensa o açúcar. Café para adoçar a boca antes da sobremesa!Este cafezinho é servido antes da sobremesa, com pão, algumas opções de geleias e queijo. A chef explica que a bebida é servida dessa forma para não estragar a suavidade das sobremesas. Mas, na verdade, acredito ser uma pausa para repensarmos os prazerem que precisam ser revistos. Após o café, as sobremesas foram servidas, a suavidade em distintos sabores cai na boca como néctar. O ambiente também colabora com a experiência gastronômica. O restaurante possui decoração simples, como objetos pessoais ao lado da cozinha, promovendo a sensação de que estamos em casa. Lembrando os antigos ambientes familiares onde tudo acontecia na cozinha, com todos falando e participando dos preparos da mesa!Restaurante ‘Clandestino’ e os serviços da chef Bel O serviço é descontraído e bem feito, sem a mínima ordem ou sensação de que aquele profissional é o seu garçom. A chef Bel também acompanha todos os clientes de maneira simpática e serve a todos com simpatia e sorrisos! A louça é uma obra de arte! Cerâmicas feitas por artistas brasileiros, lindíssimas. Pensadas para cada prato que será servido, harmonizando-se com as texturas e design das receitas servidas. Tudo isso é muito importante para todos nós e para o Brasil, precisamos nos abrir a nós mesmos e nossas origens.Durante muito tempo tínhamos em mente que o que era bom, era o que vinha de fora do país. E com isso, fomos nos adotando um sabor italiano, francês, árabe e deixando nossos sabores para trás. Hoje, vejo uma mudança nessa visão, principalmente nos chefes jovens, existe uma brasilidade que está sendo mostrada e estudada sabiamente. Assim, como a valorização da simplicidade da descontração, que nada tem a ver com falta de cuidado ou técnica.Sem dúvidas, vejo que essa nova cultura em redescobrir e valorizar o que é nosso ainda precisa de uma reeducação gastronômica e um resgate sem preconceitos. No entanto, esses trabalhos que estão sendo desenvolvidos por Bel e outros chefes, merecem aplausos de nós brasileiros!E para quem deseja ter uma experiência gastronômica como essa. É preciso ligar, marcar a reserva e pagar com antecedência. Nesta conversa prévia, iniciará sua experiência. O restaurante está localizado na Rua Medeiros de Albuquerque, 97, Vila Madalena, em São Paulo.
ARTIGO ORIGINAL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *