Juventus homenageia Buffon, após choro em eliminação

O empate sem gols com a Suécia, além de ter tirado a Itália da Copa do Mundo de 2018, também encerrou o ciclo de Gianluigi Buffon na seleção italiana. A despedida do goleiro de 39 anos gerou muitas homenagens nas redes sociais, principalmente da sua equipe, a Juventus.

Buffon não conseguiu conter a emoção e deixou o gramado chorando muito. A comovente cena do goleiro da Velha Senhora abalou o mundo do futebol, e torcedores e amigos dedicaram homenagens.

+ Itália é a única seleção campeã do mundo que ficou fora da Copa de 2018

Mesmo com a eliminação, a Juventus destacou através das redes sociais o empenho de Buffon na seleção italiana. "O povo bianconero te abraça, Buffon, você é orgulho de toda a nação e o melhor goleiro do mundo".

Além de Buffon, a eliminação da tetracampeã Itália também foi a despedida de outros dois jogadores pela Azzurra, o zagueiro Andrea Barzagli, da Juve, e o meio-campista Daniele De Rossi, da Roma. O defensor Giorgio Chiellini é outro que também pode deixar a seleção italiana.

O goleiro espanhol Iker Casillas, além de adversário, um amigo pessoal de Buffon, escreveu nas redes sociais uma mensagem ao italiano. "Não gosto nada de ter ver assim! Quero te ver como vejo até agora, como o que continua a ser para muitos, uma lenda. Sou orgulhoso de te conhecer e orgulhoso de ter te enfrentado muitas vezes", escreveu.

Outros jogadores, como o goleiro inglês Joe Hart, o zagueiro Sergio Ramos e o volante Franck Ribéry, enviaram mensagens a Buffon. Com a camisa da Itália, Buffon disputou 175 partidas e conquistou a mundial de 2006, na Alemanha. O ídolo juventino tinha o sonho de se tornar o primeiro jogador a disputar seis edições de Copa do Mundo.(ANSA)

ARTIGO ORIGINAL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *